face

Veneziano pede a Ministro adoção de Grupo de Trabalho para implantar Porto Seco em Campina Escrito por CODECOM 05-Mai-2011

Em sua viagem a Brasília, o Prefeito de Campina Grande, Veneziano Vital do Rego solicitou ao Ministro do Desenvolvimento, Indústria e Comércio Exterior (MDIC), Fernando Pimentel, a adoção de um Grupo de Trabalho em Campina visando a instalação do Porto Seco na cidade. Foi durante audiência do prefeito campinense com o ministro, da qual também participou o Senador Vital do Rego (PMDB-PB).

O Porto Seco, segundo explicou Veneziano, é uma espécie de complexo de desembaraço alfandegário que vai permitir a importação e exportação de produtos com mais facilidade, gerando economia para a cidade e a região. Além dos benefícios imediatos, afirma Veneziano, a medida vai contribuir para o desenvolvimento regional, por atrair investimentos de indústrias do setor privado.

Durante a audiência, o Senador Vital do Rego argumentou para o ministro que Campina Grande cresce em ritmo mais acelerado que o Nordeste e tem grande potencial geográfico para viabilizar o posto aduaneiro. “Está bem localizada, conta com o cruzamento de duas rodovias e tem ligação ferroviária ao litoral do país. Temos todos os modais necessários para a abertura do porto”, afirmou.

Veneziano também destacou as qualidades de Campina para receber o Porto Seco. “É real a possibilidade de criar o grupo de trabalho para estabelecer em Campina o porto seco. A cidade oferece todas as condições para ser sede de uma estrutura deste porte”.

Foxconn em Campina - O Ministro Pimentel colocou-se à disposição do município para auxiliar na criação da estrutura em Campina. Ele disse ainda que ficará atento aos interesses de grandes corporações para a atração de investimentos industriais no Estado.

Neste momento, Veneziano citou o interesse de Campina em sediar a nova planta industrial da taiwanesa Foxconn, uma das empresas responsáveis pela manufatura da nova geração de tablets, como o iPad. O presidente da empresa, Terry Gou, anunciou que planeja investir US$ 12 bilhões em uma fábrica de telas digitais no Brasil, criando 100 mil empregos.

Na audiência, Veneziano e o Senador Vital do Rego defenderam que Campina Grande é a cidade mais apta a sediar a empresa. “Campina tem duas universidades públicas instaladas na cidade, além de outras quatro da iniciativa privada. São mais de 300 professores com formação de Pós-Doutorado”, disse o Senador.

“A cidade é considerada centro de referência em tecnologia da informação, com empresas locais que prestam serviços aos mais importantes produtores de softwares do mundo, recebendo por diversas vezes premiações oferecidas pelo setor de informática”, argumentou Veneziano.

Ao final da audiência, o ministro destacou as qualidades de Campina, sobretudo na questão da produção de tecnologia e de mão de obra na área de Tecnologia da Informação. “É uma cidade que tem características próprias neste setor e que, caso receba a unidade da Foxconn, terá plena capacidade de atendimento”, disse.
Reações:

0 comentários:

 
LEANDRO POMPEU VILA DO ARTESÃO | BLOG | (83)9165-3855 - CAMPINA GRANDE | PARAÍBA